quinta-feira , 2 dezembro 2021
Capa » Notícias » Startup Amyi revoluciona a forma de escolher e comprar perfumes no Brasil

Startup Amyi revoluciona a forma de escolher e comprar perfumes no Brasil

Por meio de uma plataforma online, Experiência Amyi une produtos de alta qualidade a uma jornada sensorial e educativa pelo universo da perfumaria.

A Amyi é uma marca de perfumaria nativa digital brasileira que nasce com o objetivo de revolucionar o mercado no País, ao integrar uma jornada olfativa que começa com nove fragrâncias inéditas a um conteúdo construtivo que amplia o conhecimento do consumidor.

Além de apresentar a parte técnica de uma forma amigável, a Experiência Amyi traz um processo que ajuda na compreensão das emoções despertadas pelo cheiro, proporcionando uma escolha mais consciente e verdadeira por um novo perfume. “Não se trata apenas de vender perfumes, mas de ajudar as pessoas a se conhecer melhor e viver uma experiência única por meio do sentido que mais desperta memórias e lembranças, o olfato”, afirma Luciana Guidi, co-fundadora e CMO da Amyi.

Para desenvolver cada uma de suas fragrâncias exclusivas, a Amyi contou com três grandes perfumistas brasileiros, integrantes de algumas das principais casas de fragrâncias do mundo: Sandra Casagrande, da Takasago, casa de fragrância japonesa fundada em 1920; e Cleber Bozzi, da Drom, e Samuel Moraes, da Citratus Symrise, duas tradicionais casas de fragrâncias alemãs.

A proposta 100% inovadora da Amyi passa pela criação dos perfumes. Pela primeira vez no Brasil, os perfumistas têm total liberdade criativa, o que possibilita o uso de alguns dos melhores ingredientes do mundo, dando origem a produtos com a qualidade da perfumaria de nicho internacional.

E esse é só o começo. A Amyi agregará novos perfumes à sua plataforma a cada ano. “E não vamos parar por aí. Nosso negócio vai evoluir até chegar a um ponto em que cada pessoa terá tanto conhecimento sobre seu próprio gosto que será capaz de escolher os ingredientes para criar seu próprio perfume”, afirma Larissa Mota, co-fundadora e CEO da Amyi.

Na largada, o portfólio de produtos da startup conta com duas possibilidades de compra: 1) a Experiência Amyi, na qual o consumidor adquire um perfume em 100 ml, escolhido após ganhar os nove perfumes em miniaturas de 7ml e viver a jornada sensorial e educativa pela plataforma online exclusiva; 2) os mesmos nove perfumes vendidos em frascos de 100 ml.

As compras podem ser realizadas pelo site www.amyi.co. A marca conta ainda com o canal @amyi_perfumes no Instagram para engajar as pessoas aos temas de perfumaria, autoconhecimento e autocuidado por meio do olfato.

O Brasil é hoje o segundo maior mercado de perfumaria do mundo e movimentou mais de R$ 25 bilhões em 2018, de acordo com o Euromonitor. Entretanto, o País não tem o mesmo destaque quando o assunto é inovação de produto.

“Temos tudo para transformar este País no palco central de criação da mais alta perfumaria. Não consigo aceitar que o segundo maior mercado do mundo ainda não seja referência criativa nesse segmento”, afirma Larissa Mota, co-fundadora da marca.

Primeira marca brasileira a ter perfume finalista em prêmio internacional

Com menos de um ano de existência, a marca Amyi mostra estar no caminho certo para alcançar o objetivo de revolucionar esse mercado no País. O perfume Amyi VIII, criado com exclusividade pelo perfumista Samuel Moraes, foi nomeado finalista da sétima edição anual do prêmio “Art and Olfaction Awards”, que terá cerimônia para divulgação dos vencedores ao final de setembro, na cidade de Los Angeles, Califórnia. É a primeira vez que uma marca brasileira alcança esse feito. O eau de parfum Amyi VIII concorre na categoria Perfumaria Independente.

A premiação concedida há sete anos pelo The Institute for Art and Olfaction, centro dedicado à experimentação olfativa criativa, irá reconhecer com a estatueta The Golden Pearl apenas oito perfumes e um projeto interativo no campo da perfumaria. Criado para celebrar a excelência na perfumaria independente e aumentar a visibilidade das novas criações em escala global, os prêmios serão entregues aos criadores de destaque nas categorias: Perfumaria Independente, Perfumaria Artesanal e Projeto Experimental lançados em 2019 ao redor do mundo. Outros três prêmios contemplam categorias discricionárias e são eles: Aftel Award, Contribution to Scent Culture Award e Septimus Piesse Visionary Award.

Selecionado entre mais de centenas de inscrições recebidas ao redor do mundo, Amyi VIII passou para a etapa final após teste cego realizado com doze grandes especialistas do mundo da perfumaria. Entre eles, Frederic Jacques, perfumista francês que liderou a perfumaria fina das principais casas de fragrância do mundo e fundador do projeto The Society of Scent em Nova York; Dawn Spencer Hurwitz, perfumista amplamente premiada internacionalmente e dedicada a perfumaria americana de nicho; e Marta Siembab, polonesa especialista em cheiros e consultoria olfativa. Em setembro, seis dos doze jurados retornam para selecionar os vencedores dentro do grupo finalista

Dupla de sócias no leme

O time de fundadoras da Amyi é composto por Larissa Mota, formada em Propaganda e Marketing (ESPM) com MBA em empreendedorismo (Babson College), que trabalhou ao lado de grandes perfumistas na Givaudan, a maior casa de perfumaria do mundo, em Nova York, e liderou o desenvolvimento da categoria para a América Latina na Mary Kay; e Luciana Guidi, formada em administração de empresas (Insper) com especialização Marketing (UC Berkeley Extension) que acumula larga experiência nas áreas de comunicação e marketing de grandes empresas, como FSB Comunicação, Mary Kay e Goodyear.

“Duas buscas paralelas me definem. De um lado, uma inquietude profissional por projetos de mudanças reais. De outro, formações e vivências terapêuticas de autoconhecimento. A Experiência Amyi, é a materialização desses dois caminhos que se cruzaram”, afirma Luciana.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*