quarta-feira , 27 maio 2020
Capa » Notícias » Simple Organic inova no mercado de beleza natural com time digital de vendas
Simple Organic inova no mercado de beleza natural com time digital de vendas

Simple Organic inova no mercado de beleza natural com time digital de vendas

Pioneirismo da marca se faz presente na reinvenção do varejo com modelo de oportunidade para as pessoas ganharem renda extra trabalhando de casa.

Para apoiar os brasileiros nesse momento de instabilidade financeira e isolamento social, a Simple Organic – marca brasileira de cosméticos orgânicos, veganos, naturais, cruelty-free e sem gênero – lança um projeto que prevê a criação de um time de vendas digital. Com o propósito de oferecer às pessoas uma possibilidade de renda extra ou, até mesmo, a chance de trabalhar sem sair de casa durante a quarentena. A marca inova no segmento de clean beauty e aposta em novo modelo de negócio que prevê uma estratégia digital e a democratização da beleza natural.

Reinventando o varejo, o objetivo da marca é criar uma equipe de colaboradores a partir da comunidade que já é consome e entende os benefícios da beleza limpa, natural e livre de crueldade animal, impactando seu meio social. Por meio de um cupom de desconto, as pessoas poderão indicar os produtos para o público, o que pode acontecer via rede social, whatsapp, e-mail ou qualquer outra ferramenta digital. Cada venda realizada resultará em 10% de comissionamento para o inscrito no sistema e o consumidor que comprar no e-commerce da marca com esse cupom, terá 10% de desconto. A entrega dos itens será feita diretamente via centro de expedição, ou seja, tudo virtualmente.

Essa foi a forma que a Simple Organic encontrou para inovar e ganhar escala de relacionamento com seu público, além de fortalecer a sua missão, que é levar e proporcionar ao maior número de pessoas a possibilidade de conhecer a beleza saudável. “Vivemos um momento de grande reflexão sobre algo que já estamos falando desde o começo, como ter um ritmo de vida e de consumo mais conscientes. Mas geralmente as crises não são anunciadas, então é preciso se adaptar de uma hora para a outra. Esse será um marco no varejo, que terá que se transformar e se reinventar”, comenta Patrícia Lima, empreendedora e fundadora da marca.

Durante esse período de quarentena qualquer pessoa poderá se inscrever pelo site da marca para fazer parte dessa rede colaborativa. Não será exigido meta ou venda mínima para começar, requisitos tradicionalmente cobrados no varejo tradicional. Futuramente, a marca estuda adicionar também um comissionamento por indicação para incentivar e incrementar a renda. O sistema também opera da mesma forma nas lojas físicas, fechadas nesse período de quarentena, mas com serviço de delivery para entrega dos produtos. Nesse caso, o time de vendas recebe um cupom, que confere os mesmos 10% de desconto ao consumidor na primeira compra e o comissionamento é feito pela própria loja a qual ele representa. Foi a forma que a Simple Organic encontrou para incentivar o comércio local e manter os franqueados e as lojas aquecidas

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*