segunda-feira , 2 agosto 2021
Capa » Cursos e treinamentos » ESPM promove debate sobre sustentabilidade no mercado de cosméticos

ESPM promove debate sobre sustentabilidade no mercado de cosméticos

Mudanças no comportamento de consumo e cadeia de produção em transformação são novidades no cenário

São Paulo, 15 de abril de 2021 – O Centro ESPM de Desenvolvimento Socioambiental (CEDS) promove nesta quinta (15) o Desafio dos Cosméticos mais Sustentáveis, evento que integra a série Diálogos CEDS. A conversa contará com Heitor Bonadio (diretor executivo da Terral Natural, produtora de cosméticos), Alexandre Filippetti (cofundador da Chameleon Sun, fabricante de protetores solares) e Karina Baratella (cofundadora da consultoria de gestão Samaúma). A mediação é de Marcus Nakagawa, coordenador do CEDS. O evento discutirá mudanças e desafios em sustentabilidade no mercado de cosméticos. “O comportamento dos consumidores de cosméticos está passando por muitas mudanças”, diz Nakagawa.  “Há uma busca cada vez maior por produtos mais saudáveis e sustentáveis.”

Para Karina Baratella, da Gestão Samaúma, os produtos sustentáveis ainda precisam ser mais acessíveis aos consumidores. “A maioria dos consumidores do mercado cosmético está disposta a comprar produtos sustentáveis, mas nem sempre o acesso é fácil. Ele precisa ser democratizado”, afirma. Segundo ela, isso também precisa passar pelo custo. “Ser sustentável ainda é mais caro, mas com o avanço das mudanças no mercado, os custos tendem a se equilibrar aos produtos convencionais.”

Bonadio, da Terral Natural, explica que o espaço para evolução está sendo ampliado para além dos consumidores tradicionais de produtos naturais. “No início da nossa empresa, em 2015, os cosméticos naturais eram um produto de nicho. Percebemos que hoje estamos atraindo uma variedade maior de consumidores”, afirma.

A Terral Natural vende cosméticos sem conservantes corrosivos, corantes artificiais e fragrâncias sintéticas, para clientes como Amaro e Hotéis Renaissance. Segundo Bonadio, o principal desafio hoje é reduzir a dependência dos derivados de petróleo nas embalagens. “Ainda há poucas opções de embalagens 100% sustentáveis, sem derivados de petróleo. Aos poucos, estamos adaptando nossa cadeia de fornecedores a essa demanda.”

A Chameleon Sun, empresa que produz protetores solares veganos e sem aditivos químicos, encontrou uma solução para as suas embalagens em parceria com a ONG Eco Local Brasil. “As embalagens de nossos produtos são feitas de plásticos recolhidos do mar e reutilizados. Incentivamos nossos clientes a comprarem somente refis após a primeira aquisição, o que reduz em 80% a quantidade de plástico em circulação”, afirma Alexandre Filippetti, cofundador da empresa. “Ainda existe muito greenwashing no mercado de cosméticos. Não adianta só ter uma embalagem reciclada se a composição do produto vem de uma cadeia de produção poluente.”

A série Diálogos CEDS tem apoio de divulgação de Envolverde, Instituto Mais, Mercado Ambiental, ABRAPS, MIB Brasil, Green Business Post, AUB e  BioMovement.

Serviço

Diálogos CEDS | Desafios dos cosméticos mais sustentáveis

Quando |  15 de abril (quinta-feira)

Horário | 17h às 19h

Link |  https://espm.zoom.us/j/91604555518 (ID 916 0455 5518)

Cadastre-se para receber as matérias também via WhatsApp

Portais de Notícias 2A+

Conteúdos exclusivos, matérias, entrevistas, artigos, eventos e muito mais todo dia, a qualquer momento, para fazer de você o seguidor melhor informado.

Jornalismo feito por Jornalistas.

Integramos os elos entre a indústria, os fornecedores, o varejo e o consumidor. A Qualidade que seleciona seguidores de Qualidade.

Os fornecedores que prestigiamos são os nossos anunciantes.

Faça network com o mercado, não disperse tempo e dinheiro, anuncie conosco. Quem tem poder de decisão está nos Portais 2A+. 

The best way to access the Brazilian life sciences industry market.

 

 

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*